Tutorial Multimídia - Sistema Presença

 

 

Orientação para o preenchimento do formulário de registro de frequência escolar

 

 

IMPORTANTE: é possível descentralizar a ação de registrar a frequência escolar diretamente no Sistema Presença, ou seja, tal função pode ser realizada pelas unidades escolares. Se a escola contar com um computador para uso administrativo e tiver acesso à internet, o(a) Coordenador(a) Municipal do PBF na Educação poderá conversar com o(a) diretor(a) da escola para que este assuma essa função. O processo de coleta ficará mais rápido e barato dessa forma. Havendo a concordância do(a) diretor(a), o(a) Coordenador(a) Municipal poderá cadastrar no Sistema Presença a pessoa indicada pelo(a) diretor(a) da escola para fazer esse trabalho com o perfil Operador(a) Escolar. Veja como efetuar esse cadastro clicando aqui.

 

Caso seja necessário utilizar os formulários impressos para efetuar a coleta dos dados das unidades escolares, observe abaixo as orientações básicas referentes ao seu preenchimento, que deverá ser realizado pelas escolas.

 

 

Registro de frequência escolar

 

a) Quando a frequência escolar for positiva, arredonde para 99%.

b) Quando a frequência escolar for negativa, consulte a lista de motivos. 

 

 

 

 

 Frequência positiva = cumpriu a condicionalidade
06 a 15 anos 85% de frequência
16 e 17 anos 75% de frequência
    

Troca de escola

 

c) Quando o(a) aluno(a) mudar de escola, anote o Novo INEP.

d) Quando o destino do(a) aluno(a) for desconhecido, assinale como Não Localizado.

 

 

 

 

 

Sugestão para cálculo da frequência escolar

 

Alunos(as) das séries iniciais do Ensino Fundamental (até a 4ª série/5º ano ou equivalente): número de dias frequentados multiplicado por 100 e dividido pelo total de dias letivos do mês.

 

Alunos(as) das séries finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio: número de aulas frequentadas multiplicado por 100 e dividido pelo total de aulas do mês. Outra sugestão para alunos(as) das séries finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio: considerando que os componentes curriculares de Língua Portuguesa e Matemática apresentam as maiores cargas horárias, a presença dos(as) alunos(as) nessas aulas indica seguramente a presença do(a) aluno(a) na escola. Optando por essa sugestão, a escola poderá efetuar o cálculo considerando o total de aulas dessas duas disciplinas.

Para responder se o(a) estudante do PBF cumpriu ou não a frequência escolar mínima de cada mês, a escola precisa apurar a presença desse estudante em cada dia letivo. Essa orientação é dada pela Portaria Interministerial MEC/MDS, n.º 3.789, de 17/11/2004. Acesse o texto completo aqui.